Circo

No início de agosto, a SP Escola de Teatro começou a trilhar um caminho mais cômico, mais acrobático, mais malabarístico, enfim, mais circense, que marcou o ano da Instituição. Naquele mês, a Escola promoveu o Seminário de Circo, que anunciou o lançamento de uma série cursos de Extensão Cultural na área circense. Os encontros contaram com a participação de importantes nomes da cena cultural brasileira, como o Secretário da Cultura do Estado, Marcelo Mattos Araújo.

Depois disso, foi hora de colocar a mão na massa e praticar – e estudar – muito. Geridos pela Coordenação de Projetos Especiais da Instituição, sob a batuta de Lucia Camargo, e com curadoria de HugoPossolo, os cursos tiveram 64 horas de duração cada e ofereceram certificado de conclusão aos participantes.

Ao todo, foram mais de 20 cursos, que atenderam a um total de 300 participantes – de iniciantes até aqueles que já estão em atividade – entre mais de 2 mil inscritos. "O projeto investe em formação e qualificação profissional para preencher demandas socioculturais na área, além de procurar fortalecer a relação entre a comunidade e o circo", comenta Ivam Cabral, diretor executivo da Escola.

Uma infinidade de áreas do circo foram abarcadas pelos cursos: modalidades solo e aéreo, malabares, palhaçaria, produção e gestão, diabolô, percha, trapézio, dramaturgia, história, mágica, mastro chinês e muitas outras.

"Hoje, a busca pela excelência artística, com aprimoramento técnico e visão estética contemporânea é uma enorme necessidade para a continuidade das Artes Circenses. Felizmente, a Secretaria de Estado da Cultura estimulou, incentivou e apoiou a SP Escola de Teatro, que abriga em seu projeto os cursos de Extensão Cultural, que promovem o encontro com diversas outras linguagens e que percebeu esse campo de qualificação necessária ao circo brasileiro", comenta Hugo Possolo, que também é coordenador de Atuação na Escola.

Depois de muitos saltos, quedas e palhaçadas, como forma de concluir essa intensa série de atividades, a Escola compartilhou com o público uma parte do resultado dos cursos ministrados, em uma celebração a essa arte milenar e ao Dia Internacional do Palhaço, celebrado no dia 10 de dezembro.

Apresentado no dia 11 de dezembro, levando grande público ao Teatro Sérgio Cardoso, o espetáculo reuniu em uma única apresentação orientadores e participantes de 21 cursos. A montagem foi criada sob direção artística de Beto Andreeta, com assistência de direção de Vanderlei Piras e consultoria de Hugo Possolo.

E não se engane pensando que isso é tudo. Para 2015, mais cursos de circo já abriram inscrições e serão realizados a partir de janeiro. "Esperamos que cada vez mais as Artes Circenses trilhem caminhos inovadores em sua formação, difusão e fruição e que possamos estar consolidando os primeiros de um projeto que sonha ser ainda maior", confirma Hugo.

Acrobacia

Atelie Malabares

Bases Circo Solo Aerea

Curso Aereo

Curso Aereo 2

Curso Aereo 3

Desenvolvimento Acrobatico

Direcao Artistica Espetaculos Circense

Dramaturgia em Circo

Gestão de Circo

Inicialização Arte Mágica

Mastro Chinês

Memória e História Circo

Palhaçaria

Percha de Equilíbrio

Produção e Gesto Circo

Rodacyr

Solo e Aereo

Trapezio Petit Volant