450 anos de Shakespeare

Não é todo dia que se comemora o aniversário de 450 anos de nascimento do maior nome da história da dramaturgia. Por isso, ao longo deste ano, a SP Escola de Teatro promoveu uma série de ações em homenagem a William Shakespeare (1564-1616).

Uma das principais delas aconteceu em abril, mês de nascimento do Bardo, com o Fórum Shakespeare 2014, que ofereceu ao público seminários com o internacionalmente reconhecido professor Jonothan Neelands, da Warwick Universty (Reino Unido).

Realizado em parceria com o People's Palace Projects, o People's Palace Projects do Brasil e a Queen Mary University of London, o Fórum explorou uma das mais importantes obras de Shakespeare, "Otelo", analisando passagens da famosa peça em conexão com o cenário sociocultural contemporâneo, as diferentes identidades raciais brasileiras e as relações estabelecidas pela questão racial na sociedade brasileira atual.

No mesmo período, aprendizes da Escola realizaram leituras de poemas do autor. Foram 4 horas e 50 minutos de leituras do "happening trágico pop", conduzido por aprendizes de Dramaturgia, Atuação, Humor e Sonoplastia. Podiam participar das leituras aprendizes, formadores e colaboradores. Para tanto, bastava que os interessados comparecessem com o texto que será lido.

Como pede a complexidade da obra shakespeariana, as sutilezas encontradas em seus textos, bem como a biografia do autor, ganharam espaço também no portal da Escola, por meio de artigos e uma série de podcasts criados por Mauricio Paroni de Castro, que é diretor, dramaturgo e coordenador da Biblioteca da Instituição.

"Seu palco era uma fantástica máquina de ampliar o mundo através da ação das palavras", comentou Paroni.

450 Anos de Shakespeare